Minha lista de blogs

sexta-feira, 8 de março de 2019

Ex-funcionários da Vale pedem socorro à Deputada Soraya Manato (PSL)


No governo de Fernando Collor estavam preparando a Vale para a privatização, demitiram sem justa causa centenas de funcionários. No governo Itamar Franco aprovou-se uma Lei de Anistia desses funcionários entre outros das outras estatais, mas não reconheceram seus direitos. Os interesses mesquinhos da corrupção fizeram Fernando Henrique Cardoso, então ministro da economia, alocar esses funcionários anistiados em órgãos públicos distintos, pois a Vale já estava preparada para ser privatizada. A crueldade do veneno social FHC foi perversa ao ponto de retirar todos os direitos desses trabalhadores, que dedicaram suas vidas à Vale do Rio Doce.
Funcionários que ganhavam R$ 6,000,00 na Vale passaram a ganhar R$ 1.200,00 nos órgãos públicos, jogados e discriminados num canto qualquer. Eles entram na justiça, se organizaram em associações, mas a maldade do PSDB ainda está nas suas costas. Até hoje a luta continua e a Justiça e tão cega ao ponto de não ver essa barbaridade jurídica. Muitos morreram, outros trabalham com dificuldade de locomoção em cadeiras de roda ou apoiados em muletas, todos são idosos em idade para se aposentarem, mas recusam uma aposentadoria magra, sem os direitos adquiridos. Direitos que lhes foram negados através de leis injustas, que beneficiaram o capital a custa do trabalho.
Enquanto a Vale, que foi vendida ao preço de bananas continua sua trajetória bilionária de lucros cada vez maiores, esses idosos que ajudaram a construir o império privatizado estão morrendo à mingua. São essas desigualdades produzidas pela esquerda corrupta e satânica, que a nobre deputada Soraya Manato (PSL) vai ajudar a combater, garantindo os direitos negados a esses seres humanos, que necessitam de justiça social.
Em todos esses anos dos desgovernos do PT, os trabalhadores continuaram sendo roubados de todas as formas, inclusive em seus direitos. A Vale é um império construído roubando direitos, matando pessoas, animais e plantas sonegando impostos e não pagando multas dos cruéis impactos ambientais. As barreiras que caíram em Mariana e Brumadinho destruindo tudo, levando morte e prejuízos incalculáveis ao país encontrou uma justiça lerda. Um STF apodrecido pela maldita Hegemonia de Gramsci implantada pelo PT na base da corrupção e cargos de ministros para gente incompetente e corrupta.
O governo Bolsonaro está mexendo nessas feridas sociais e a Deputada Soraya Manato (PSL), uma das vítimas do Pó preto e dos dejetos jogados no mar pela Vale, está mais uma vez mostrando ao Brasil, que os interesses do Capital precisam ponderar os direitos da sociedade. Ninguém merece respirar pó preto, morrer na lama de minério ou ficar jogado numa repartição pública, sem dinheiro para comprar os remédios que a velhice exige.